Módulo Conservação

De AleloWiki
Ir para: navegação, pesquisa

O Módulo Conservação do Sistema AleloVegetal tem por objetivo gerenciar as informações de manejo e conservação ex situ e in situ dos bancos de germoplasma e coleções de base da Embrapa. Na forma ex situ o germoplasma é mantido em períodos variáveis de tempo, conforme a características da espécie e os objetivos de conservação. A manutenção do acervo é feita em formas diversas, como planta no campo, em telados, casas de vegetação, in vitro e na forma de lotes de sementes em câmaras frias, a -20 graus Celcius, para conservação a longo prazo, por exemplo. Na forma In situ são conservadas populações de espéciess nativas em seu ambiente natural, onde é possível se observar in loco o desenvolvimento e adaptação das espécies ao meio. São típicos desse contexto as coleções mantidas em unidades estaduais, municipais e privadas de conservação, bem como os parques nacionais. (NASS, 2007). [1] A cada forma de conservação faz-se necessário uma série de controle de dados e informações sobre o manejo da coleção e, nesse sentido, o Módulo Conservação do Sistema AleloVegetal foi desenvolvido de forma a apoiar ao gerenciamento das atividades de conservação de germoplasma.

O módulo apresenta os seguinte Menu de opções:

  1. Tabelas de referência
    1. Tabela local de conservação
    2. Tabela cluster
    3. Tabela estrutura
    4. Tabela descritores de conservação
    5. Tabela associar descritores
    6. Tabela grupos de conservação
    7. Tabela entidade
    8. Tabela tipo de variável
    9. Tabela estrutura em níveis
    10. Tabela tipos de movimentação
  2. Cadastro
  3. Relatórios
  4. Consultas


Referências

  1. NASS, L. L.; Recursos Genéticos Vegetais; Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia; Brasília-DF, 2007, Pág. 610.